O Aluno FELIPE FIGUEIRA SOUZA GOMES, aluno matriculado no curso de Língua Japonesa do CEKO, ganhou neste ano de 2013 uma Bolsa de Estudos pela JICA para a Hokkaido University, no Japão.

A bolsa de estudos no Japão refere-se à uma graduação-sanduíche no âmbito de um programa federal brasileiro, financiado pela CAPES/CNPq, denominado “Ciência Sem Fronteiras”. O intuito do programa é oferecer até 101 mil bolsas para cursar um ano de graduação em universidades no exterior, principalmente em grandes áreas como Saúde, Engenharia e Exatas, Ciência e Tecnologia, e Indústria Criativa. Há chamadas para vários países, como Austrália, Canadá, EUA, Reino Unido, França, Hungria, Holanda, China, Coréia do Sul e Japão, cada país com uma Instituição parceira específica. Mais informações no site http://www.cienciasemfronteiras.gov.br/.

Na chamada para o Japão no qual me inscrevi, era necessário apenas proficiência em Língua Inglesa. Primeiramente, é realizada uma pré-seleção pela CAPES. A lista dos alunos pré-selecionados foi então enviado à JASSO (Japan Students Services Organization), para a seleção oficial. Há várias universidades com diversos critérios.

Informações: http://www.jasso.go.jp/study_j/csf_e.html. Após muita espera (talvez pela ansiedade), fui aceito pela Hokkaido University, para estudar como Aluno Ouvinte Especial (em Engenharia Ambiental)!

Um pouco sobre a universidade

A Universidade de Hokkaido, ou Hokudai, fica localizada no centro da cidade de Sapporo e faz parte das Sete Universidades Nacionais. Também é reconhecida como uma das melhores e mais concorridas do país.

Segundo a QS World University Rankings (2012), está na 135ª colocação mundial e 6ª no Japão, em padrões gerais para Engenharia e Tecnologia. Seu lema é: 少年よ、大志を抱け! (Jovens, sejam ambiciosos!).

Mais informações no site (em inglês): http://www.oia.hokudai.ac.jp/
Guia de estudantes internacionais (Inglês e Japonês): http://www.oia.hokudai.ac.jp/blog/2013/05/10/download-your-2013-2014-prospectus-here/

Segundo as informações que tive acesso, cerca de 50 alunos brasileiros foram aceitos para estudar no Japão nesta chamada, e fui o único no estado do Pará.

Gostaria de agradecer à todos que me apoiaram e também à CEKO, por oferecer o curso de idioma Japonês e a preparação para o Nouryoku Shiken. Talvez a proficiência em Japonês, mesmo apresentada como documento de referência (não era obrigatório) e em nível baixo – N5, tenha sido fator decisivo para a seleção, já que algumas aulas na universidade serão ministradas em japonês. Agradecimentos especiais aos professores Oti-sensei, Todaka-sensei, Ōtani-sensei e Tango-sensei.

Aproveitarei ao máximo os estudos no Japão.

Felipe Figueira Souza Gomes

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*